Tuesday, October 24, 2017

5 comandos essenciais para você ensinar ao seu cão

5 comandos essenciais para você ensinar ao seu cão

Por Cesar Millan
Tradução: Danielle Bohnen

Ter um cão treinado não é o mesmo que ter um cão equilibrado, mas adestra-lo com comandos básicos de obediência pode ser útil na hora de abordar os problemas de comportamento que tenha agora ou que poderá se desenvolver no futuro.

Mas, por onde começar com o treinamento de obediência canina? Você pode leva-lo a aulas, mas não é necessário, você mesmo pode adestrar seu cão. Realmente, com a atitude correta, o adestramento pode ser um processo muito divertido para seu cão e para você!

moã loira com franja de lado e trança sobre o ombro direito, com mãos postas à frente dando comando a cinco cães sentados em sua frente de tamanhos e cores diversos, estão emum campo verde com árvores ao fundo

Senta

Este é um dos comandos de obediência mais fáceis de ensinar a um cão, por isso uma boa opção para começar.

  • Mantenha um petisco para cães – como um biscoito ou um pedaço de carne – perto do nariz do cão.
  • Mova a mão para cima, permitindo que sua cabaça siga o petisco, fazendo-o sentar-se.
  • Uma vez que esteja sentado, diga “senta”, depois “muito bem” e dê a ele o petisco e um carinho como recompensa.
  • Repita esta sequência várias vezes todos os dias até que o cão domine o comando. Depois, peça a ele que sente antes de comer ou sair para passear, além de outras situações nas quais você gostaria que ele esteja tranquilo e sentado.
  • Sempre diga “muito bem” sempre que ele faça o que você está pedindo, assim ele saberá que cumpriu o comando corretamente.

Venha aqui

Este comando pode evitar muitos problemas para seu cão, trazendo-o de novo até você se ele se soltar da guia ou se você deixou a porta aberta sem querer.

  • Ponha uma coleira e guia no cão
  • Se afaste dele segurando a guia
  • Agache-se a sua altura e diga: “venha”, enquanto puxa suavemente a guia.
  • Quando ele chegar em você, recompense-o com um biscoito ou carinho.
  • Uma vez que tenha dominado o comando com a guia, tire-a e pratique em uma área segura, fechada.

Deite-se

Este pode ser um dos comandos mais difíceis do adestramento de obediência, porque sta posição é uma postura submissa. Você pode facilitar o processo mantendo o treinamento positivo e relaxado, principalmente com cães medrosos e ansiosos.

  • Use seu petisco favorito e o mantenha em sua mão fechada.
  • Coloque sua mão até o focinho do cão. Quando cheirar sua mão, abaixe-a até o chão, para que ele a siga.
  • Depois, deslize sua mão pelo chão na frente dele a fim de estimular seu corpo a seguir sua cabeça.
  • Uma vez que esteja na posição deitada, diga “deite-se”, dê o petisco e muito carinho.
  • Repita este processo todos os dias. Se seu cão senta ou avança na sua mão diga “não” e tire a mão de perto. Não o pressione para baixo, tenha paciência. Encoraje o progresso do seu cão em relação ao comando que esteja ensinando, porque ele está trabalhando muito pesado para conseguir realiza-lo.

Fica

Antes de tentar o comando “fica”, assegure-se de que seu cão já saiba bem o comando “senta”.

  • Primeiro diga a seu cão “senta”.
  • Depois, abra a palma da sua mão diante de seu focinho e diga “fica”.
  • Ande alguns passos para trás. Volte até seu cão e o recompense com um petisco e carinho se ele ficar.
  • Aos poucos aumente a distância antes de recompensa-lo.
  • Sempre recompense seu cão se ele ficar onde está, mesmo que fique somente por alguns segundos.
  • Este é um exercício de autocontrole para seu cão, por isso não desanime se ele demorar um tempo para aprender, principalmente se se trata de um filhote ou um cão muito ativo, porque o que querem é estar em movimento e não ficar ali sentados esperando.

Solta

O comando “solta” pode ajudar a manter seu cão seguro quando se deixa levar pela curiosidade, como, por exemplo, se ele fareja algo intrigante, mas possivelmente perigoso no chão. O objetivo é ensinar seu cão que ele conseguirá algi muito melhor se ignorar o objeto.

  • Coloque um biscoito em cada mão.
  • Mostre o biscoito com a mão fechada e diga “solta”.
  • Permita-o lamber, cheirar, mordiscar, latir e dar a pata na tentativa de conseguir o biscoito – ignore todos esses comportamentos.
  • Uma vez que ele perca o interesse por sua mão, dê o petisco que está na outra mão.
  • Repita até que o cão se afaste da primeira mão sempre que você diga “solta”.
  • Em seguida, somente dê a recompensa quando ele se afastar da primeira mão e também olhe para você.

Uma vez que seu cão se faste do primeiro petisco e faça contato visual com você de forma consistente quando você pede o comando “solta”, ele já está pronto para ir a um nível superior.

Para a próxima etapa, você vai precisar de dois tipos de petiscos diferentes, um que seja normal e outro que ele tenha muito mais interesse, por exemplo, em uma mão você pode colocar um biscoito e na outra um pedaço de carne.

  • Diga “solta” ao colocar o petisco menos atrativo no chão e cobrir com sua mão.
  • Espere até que seu cão ignore o petisco e olhe para você. Depois, tire o petisco do chão e dê imediatamente a ele seu petisco favorito e carinho.
  • Uma vez que domine esta etapa, coloque de novo o petisco menos atrativo no chão, mas não cubra com a mão, pode apenas mante-la por cima. Com o tempo, passe a afastar cada vez mais a sua mão de cima do petisco até aproximadamente 15 centímetros acima do petisco.
  • Agora seu cão está pronto para praticar com você estando de pé. Siga os mesmos passos, mas se caso ele tentar pegar o petisco menos saboroso, cubra-o com seu pé.
  • Não se apresse, lembre-se que você está pedindo muitíssimo ao seu cão. Se durante o progresso, você note que está muito difícil para ele, volte a um nível anterior.

Apenas estes cinco comandos básicos podem ajudar a manter seu cão mais seguro e a melhorar sua comunicação com ele. Vale muito a pena o investimento de seu tempo e esforço.

Recomento uma sessão diária de adestramento entre cinco e dez minutos por toda a vida de seu cão, para estimula-lo mentalmente. Você pode sempre ensinar-lhe novos truques.

Lembre-se que o processo leva tempo, por isso somente inicie uma sessão de treinamento de obediência canina se você estiver com a cabeça fria, muito paciente e pronta para praticar a energia calma e assertiva.

Fonte: Cesar’s Way

About The Author

Danielle é jornalista, formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Já foi voluntária em diversas ONG como Abeac, Anda, Associação Mata Ciliar e N/a'an ku se (Namíbia). Atualmente, estuda Medicina Veterinária na Fesb de Bragança Paulista, onde faz estágio no hospital universitário HVet.

Related posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *