Wednesday, September 20, 2017

Casal brasileiro faz sucesso no Youtube com receitas em língua de sinais
Photo Credit To Divulgação

Casal brasileiro faz sucesso no Youtube com receitas em língua de sinais

O casal gaúcho Débora e Felipe Dable lançaram, em novembro de 2015, um canal no Youtube com o objetivo de ensinar receitas vegetarianas, só que com um diferencial: em língua de sinais, para alcançar tanto pessoas ouvintes quanto as que possuem deficiência auditiva.

Enquanto Felipe, psicólogo e nascido em Porto Alegre, prepara as receitas, Débora, que é professora, as interpreta em libras. Os vídeos trazem alimentos como Hamburguer de Grão de Bico ou Batatas ao Murro e são postados às quartas-feiras, pela manhã.

A proposta é uma versão audiovisual das receitas que eles publicam já há dois anos no blog Chef Cenoura. “A página existe desde 2014 e, ao começarmos com os vídeos, decidimos adaptá-los para os surdos, já que eu sou professora e intérprete de libras”, contou Débora após afirmar que fala em língua de sinais desde pequena, já que sua irmã mais velha possui surdez profunda e toda a família teve que se adequar.

Casal cozinhando felizes
Reprodução/Fer Cesar(Foto: Reprodução/Fer Cesar)

O nome “Chef Cenoura” surgiu após Felipe decidir usar um apelido que seu pai criou logo quando ele se tornou vegetariano, há 15 anos atrás. “Meu pai costumava brincar comigo, já que sou e sempre fui o único vegetariano da família, me chamando de Cenoura. Quando tivemos a ideia de criar a blog, logo pensei em ‘Chef Cenoura'”, afirmou.

Apesar de ter apenas três meses “de vida”, o canal no Youtube já acumula mais de dois mil inscritos e os comentários dos vídeos são cheio de elogios. “Agora vou poder aprender libras e cozinhar coisas diferentes. Amei, parabéns pela iniciativa”, comentou um dos internautas. “Só quem sabe a necessidade da verdadeira inclusão consegue ver o quão belo é esse trabalho!”, disse outro.

O grande incentivo para dar continuidade ao projeto é o retorno das pessoas que acompanham tanto os vídeos, quanto os textos. “Recebemos mensagens de agradecimentos o tempo inteiro, e isso é muito gratificante”, afirma Débora. O casal pretende dar continuidade ao projeto social até novembro deste ano, já que atualmente eles o mantém com o próprio dinheiro e algumas pessoas e empresas que doam utensílios e alimentos.

Fonte: RedeTv/ Gabrielle Bertoni

About The Author

Danielle é jornalista, formada pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Já foi voluntária em diversas ONG como Abeac, Anda, Associação Mata Ciliar e N/a'an ku se (Namíbia). É vegana e, atualmente, estuda Medicina Veterinária na Fesb de Bragança Paulista, onde faz estágio no hospital universitário HVet.

Related posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *